Galeria

"Fotografar é colocar na mesma linha a cabeça, o olho e o coração" - Henri Cartier Bresson
02_img

MAR

As cores, o movimento e a paz que o mar transmite registrados em cada foto.

View more
04_img

CÉU

Do nascer ao pôr-do-sol. Do céu estrelado à noite cinzenta. Uma atmosfera envolvente.

View more
03_img

TERRA

O cenário é infinito. Texturas, cores, elementos… Não cabe na foto o que o olho vê, mas o coração sente.

View more
08_img

MONTAGENS ESPECIAIS

Os recortes e composições vão até onde sua criatividade é capaz de levá-lo.

View more
12_img

REFLEXOS

A beleza de uma imagem e seu reflexo. Um cenário deslumbrante da perfeição simétrica refletida.

View more
01_img

CIDADES / ARQUITETURAS

Linhas, curvas, simetrias... Clássica ou contemporânea, a arquitetura é fascinante.

View more
07_img

EFEITOS

Forma lúdica, colorida e diferente de interpretar um lugar, uma pessoa, um momento...

View more
10_img

CORES

Uma valsa de cores e composições em harmonia criam uma energia que vibra num círculo cromático perfeito.

View more
05_img

BLACK & WHITE

Uma imagem ganha cor diante de olhos criativos. Os registros são um faz de conta em preto e branco.

View more
06_img

ABSTRATOS

Desperta e instiga o pensamento. São formas, recortes e cenas quase que interpretáveis. Mas a emoção também mora lá.

View more
11_img

RETRATOS

Pessoas e suas essências. O desafio de contar através de um único clique o que existe por trás de um olhar, de um gesto, de um momento.

View more
09_img

TEXTURAS

Quase dá para tocar com os olhos. Um mix agradável para completar composições.

View more

Informações sobre exposições, mostras e eventos, clique em ...

Gigi Monteiro

Nascida em Mogi das Cruzes / SP, em 1972.


Um olhar. Um clique. Um momento eternizado na moldura.
Gigi Monteiro exerce a fotografia com a leveza e a liberdade que a arte pede.
Foto sempre foi uma paixão. Viagens, paisagens e flagrantes urbanos também.
Às vezes, em inspirada metalinguagem, o objeto são obras de arte, criando a partir deste registro, um segundo elemento.

Fazem parte ainda do imaginário da paulista lúdicas abstrações. Logo, as ampliações, montadas como instalações, como a impressionante “Nature Overlaps” – composta por várias “camadas” em metacrilato –, se impuseram como sua assinatura.
Outra criação de peso são os “Esféricos”, montagem circular também em metacrilato que lançou retratando fragmentos de verdes copas de árvores. Orgânica, a obra traz inegável apelo feminino, remetendo tanto à Terra quanto ao útero. Ou seja, de toda forma, à vida.

Como tema, a exuberância da natureza brasileira, em especial da Mata Atlântica, a distingue.
Há espaço ainda para cenas marítimas e icônicos skylines.
Da Mata Atlântica, extrai o que de mais poderoso esta oferece: preciosos tons de verde, texturas de folhas e troncos, a majestade das copas banhadas pelo sol.
E se nos extasia com tal beleza, sua obra pontua, sem obviedade, um dado sombrio. Hoje, com o brutal desmatamento, restam apenas 10% deste esplendor vegetal.

Suas mais recentes incursões no Brasil e exterior têm como destino os Patrimônios Mundiais da UNESCO, sejam Culturais, Naturais ou Imateriais. São nada menos que 1121, em 167 sítios - 22 deles brasileiros -, 53 em perigo de extinção.
Especialmente os da Natureza e de complexos arquitetônicos e cidades de países menos favorecidos, muitas destas localidades sofrem algum tipo de risco, seja como resultado de desmatamento, caso da Amazônia e da Mata Atlântica, guerras civis, ditaduras e outras situações extremas.

O olhar da artista, no entanto, prefere a positividade e esperança, iluminando o que há de mais belo e especial em cada paragem onde foca suas lentes.
Em um destes spots no Brasil, o Pantanal, Gigi fez uma imagem premiada internacionalmente. Em outro, em Porto Rico, interpretou a arquitetura do Castillo San Cristóbal, também Patrimônio Histórico da UNESCO, na parte antiga da capital, San Juan.

Desde sua estreia, em 2014, participou de duas exposições individuais e dezenove expressivas coletivas, incluindo a “Contemporary Brazilian Art” em Nova York, documentada em livro homônimo (2016).
As exposições mais recentes foram “Segnalati Lisbon” na Meeting Art Gallery em Lisboa, Portugal, Novembro de 2019, “International Biennial of Contemporary Art” no Museo Diocesano Francesco Gonzaga, em Mantova, Itália, Junho de 2019, “23rd Salon International D’Art Contemporain” no Museu do Louvre, em Paris, Outubro de 2018.

As mostras no exterior aguçaram o olhar da crítica internacional para o seu trabalho.
Foi laureada em Mantova, Itália, com o Prêmio “Artist of the Year”, em Junho de 2019, em Milão, Itália, com o “International Prize Caravaggio”, em Dezembro de 2018 e em Bolonha, Itália, com o “International Prize Raffaello”, em maio de 2018.



Experiência

Registros fotográficos autorais, projetos especiais e personalizados.

Educação

Fotografia | Escola Panamericana de Arte e Design – São Paulo, Brasil
História da Arte | Escola Panamericana de Arte e Design – São Paulo, Brasil
História da Fotografia | Escola Panamericana de Arte e Design - São Paulo, Brasil
Workshop fotográfico | NYC Photo Safari – Nova Iorque, EUA.

Exposições

2020 - Coletiva - “Dinâmica no Olhar” - Inn Gallery | São Paulo, Brasil
2019 - Coletiva - “Segnalati Lisbon”- Meeting Art Gallery I Lisboa, Portugal
2019 - Coletiva - “International Biennial of Contemporary Art”| Mantova, Itália
2018 - Individual - “23rd Salon International D’Art Contemporain” | Paris, França
2018 - Coletiva - “International Contemporary Art in Rome” | Roma, Itália
2018 - Coletiva - "Novas Cores" - Instituto Arte em Movimento | São Paulo, Brasil
2018 - Coletiva - "O Olho que Vê" - Inn Gallery | São Paulo, Brasil
2018 - Coletiva - "SP Inspira Arte" - Art Lab Gallery | São Paulo, Brasil
2017 - Coletiva - "Sobre Olhares" - Art Lab Gallery | São Paulo, Brasil
2017 - Coletiva - "Framed Vision 2" - Bharat Bhavan, Bhopal - Índia
2017 - Coletiva - "Arte Brasileira na Contemporaneidade II" - Inn Gallery | São Paulo, Brasil
2017 - Coletiva - "Inserções" - Inn Gallery | São Paulo, Brasil
2017 - Coletiva - "Artexpo NY" - Pier 94 NYICAS | Nova Iorque, EUA
2017 - Coletiva - "SP Inspira Arte" - Art Lab Gallery | São Paulo, Brasil
2016 - Coletiva - "Múltiplas Perspectivas" - Art Lab Gallery | São Paulo, Brasil
2016 - Coletiva - "Olhares de São Paulo" - Design Weekend | São Paulo, Brasil
2016 - Coletiva - "Contemporary Brazilian Art" | Nova Iorque, EUA
2016 - Coletiva - "Arte Brasileira na Contemporaneidade" | São Paulo, Brasil
2015 - Coletiva – "Quatro Olhares" - Dalmau Studio | São Paulo, Brasil
2015 - Coletiva – "Fragmentos" - Dalmau Studio | São Paulo, Brasil
2014 - Individual - "Olhar 42" - Dalmau Studio | São Paulo, Brasil.

Prêmios

2019 - “Artist of the Year” - Mantua Social Theater | Mantova, Itália
2018 - “International Prize Caravaggio” - Litta Theather | Milão, Itália
2018 - “International Prize Raffaello” - Gnudi Palace | Bolonha, Itália

Montagens Fine Art Photography

- Auxilia o cliente na escolha das imagens, texturas e dos acabamentos adequados à decoração.
- Papel fotográfico, papel algodão, acrílico, canvas, tecidos, alumínio, espelho e adesivos podem ser utilizados para imprimir as fotos. Opções de acabamentos em molduras, metacrilatos, caixas, painéis e montagens especiais.

Acompanhe meus trabalhos

>> <<